Tradição e contemporaneidade num apartamento de sonho

Request quote

Invalid number. Please check the country code, prefix and phone number
By clicking 'Send' I confirm I have read the Privacy Policy & agree that my foregoing information will be processed to answer my request.
Note: You can revoke your consent by emailing privacy@homify.com with effect for the future.

Tradição e contemporaneidade num apartamento de sonho

Catarina Rodrigues—Homify Catarina Rodrigues—Homify
 Dining room by Alberto Caetano, Modern
Loading admin actions …

Lisboa é uma cidade repleta de história tradição. A cidade tem vindo a tornar-se progressivamente num centro artístico e cultural. A visão que a contemporaneidade propícia da cidade, implica uma certa nostalgia, associada à memória colectiva da cidade. Memória essa, que se apresenta como sendo fundamental, na procura de uma refexão acerca da reabilitação urbana.

O projecto de reabilitação de interiores, Apartamento ao Camões, da autoria do arquitecto Alberto Caetano, mostra-nos como o declínio abrangente do lugar—quer no seu aspeto físico, quer no seu aspecto simbólico—conferiu ao apartamento uma nova dimensão estética e simbólica que se apoia na história e na tradição demonstrando a importância e o valor destas características para a conformação de ambientes únicos e distintos.

Duplo pé-direito

Graças ao generoso pé-direito desta divisão, e do apartamento no geral, foi possível tirar um bom partido da estrutura do edifício aproveitando para criar uma pequena alcova superior. Assim reservou-se a esta área a função de estúdio de trabalho ou lazer enquanto que no espaço inferior imediatamente adjacente existe um quarto com uma cama de solteiro. 

Enquadramentos geométricos

Os enquadramentos interiores tornam o espaço em arte através do olhar de quem o habita. Continuamos na mesma divisão embora com outra perspectiva.

Esta divisão está integralmente livre de elementos que não sejam puramente funcionais, e para além da estante e do armário, ambos em madeira, existe apenas uma pintura contemporânea a decorar uma das paredes brancas.

Contraste

Os contraste são evidentes e conferem vida à composição. Apesar de subtis por vezes um pequeno detalhe faz toda a diferença. Nesta imagem é possível vermos três tonalidades distintas que dinamizam a composição esquemática do lugar.

Harmonia

cozinha, termo frequentemente associado com uma divisão, resume-se aqui a um pequeno balcão que concentra em si todas as funções relacionadas com preparação e confecção de alimentos. Em vez de uma ilha de cozinha, o arquitecto optou por uma mesa de jantar rústica sobre a qual poisam dois elementos escultóricos minimalistas de cerâmica.

Contemporaneidade com alma

Nascido e criado na cidade de Lisboa, o arquitecto possuía já uma grande sensibilidade para as questões relacionadas com a reabilitação urbana e os métodos de preservação e re-utilização espacial. A ocupação é a primeira forma de reabilitação e desta forma o apartamento foi ocupado de novo. Ocupado pela luz, pela cor, por objectos e elementos que conformam o espaço final.

O pavimento revestido em madeira é um marco constante ao longo de toda a casa, este material transmite uma presença natural para os interiores. É através dos longos vãos e graças às paredes brancas que a luz penetra os interiores difundindo-se em várias direcções.

Funcionalidade

Já aqui referimos a importância da reabilitação para a preservação simbólica de determinada cultura. É também na reabilitação de interiores que estes projectos podem ganhar relevância, ao através de intervenções rápidas poderem atribuir novos usos espaciais, de uma forma versátil e distinta, em locais que perderam o seu uso anterior e necessitam agora de uma readaptação a outras funções. Neste caso o uso integral de uma parede permitiu concentrar todas as funcionalidades relacionadas com a arrumação, libertando assim todo o restante espaço. 

Quarto

Ao longo de todo o apartamento é possível encontrarmos áreas extensas e exclusivas para arrumação.Ao longo de divisões como o corredor, a área de jantar e os quartos encontramos altos armários que ocupam a extensão de uma das paredes destas divisões. O revestimento em madeira ajuda na conformação de uma atmosfera acolhedora e confortável no interior da habitação.

Esta perspectiva mostra-nos um pouco do quarto principal que é simples e com uma decoração minimalista. A madeira continua a ser um elemento intrinsecamente presente no interior.

Reflexos

Na casa-de-banho a luz continua a ser o principal protagonista desta composição. Apesar de assumidamente escura a materialidade permite a multiplicação da luz através do reflexo criando assim um jogo dinâmico de luz e cor. 

Escadas

As escadas elegantes do edifício destacam-se enquanto elemento conectivo entre a cidade, a história e o presente preservando uma identidade cultural tipicamente portuguesa. Esta identidade reflecte-se nos mais pequenos detalhes nomeadamente na textura antiga da pedra ou nas peças cerâmicas trabalhadas. Esta zona de transição é a união perfeita entre a tradição e a contemporaneidade.

 Houses by Casas inHAUS, Modern

Need help with your home project?
Get in touch!

Discover home inspiration!