Tudo sobre Peitoris e Parapeitos de Janelas + 15 imagens para Iluminar

Elisabete Figueiredo—HOMIFY Elisabete Figueiredo—HOMIFY
Odivelas Apartment Miguel Marcelino, Arq. Lda. Modern Windows and Doors
Loading admin actions …

Peitoril, parapeito, soleira janela? Os termos em arquitectura confundem, não é verdade? Há imensos conceitos, milhares de palavras e, para complicar, ainda há alguns que se confundem e são usados quase indistintamente, apesar de não significarem exactamente a mesma coisa!

No caso dos elementos referidos é mesmo isso que acontece: Peitoril e parapeito não são exactamente a mesma coisa, mas muitas vezes a palavra é usada para designar a mesma coisa, e a expressão soleira de janela é equivalente, o que aumenta a confusão. Mas numa coisa todos concordamos—não há nada mais castiço do que ver vasinhos de flores nas janelas!

Se anda neste dilema porque vai construir uma casa ou está a reabilitar um edifício antigo, cá está a homify ao seu socorro. Hoje falamos de peitoris, parapeitos e soleiras de janelas, explicando em detalhe cada conceito, os materiais, os preços e outros detalhes importantes para o ajudar a escolher com sucesso, tudo acompanhado por quinze imagens inspiradoras de janelas dos nossos profissionais. Não perca!

1—Vamos às definições

Já percebemos que os termos se confundem no seu significado comum, mas cada um tem um significado técnico que importa conhecer.

Começamos pelo conceito de peitoril:

Peitoril janela

Chama-se de peitoril à prateleira na parte inferior da janela, formada pela contraverga, e por inerência ao elemento estrutural em forma de placa ou ao revestimento que são fixados nela para a rematar, pelo interior ou pelo exterior. A palavra é normalmente usada como sinónimo de parapeito, e isso não está totalmente errado.


Parapeito janela

O parapeito pode ser o mesmo mesmo que o peitoril (no dicionário aparecem como palavras sinónimas), mas muitas vezes é usado também uma espécie de parede incompleta, geralmente construída em alvenaria e elevada à altura do peito. Os parapeitos neste conceito são muito utilizados em janelas, mas também em terraços e varandas, como guarda-corpos.

Soleiras de janelas

As soleiras de janelas são idênticas às soleiras das portas, sendo colocadas na base de janelas rasgadas de alto a baixo da parede. São como os peitoris, mas ficam assentes no pavimento. Têm as mesmas funções dos peitoris, mas não se pode apoiar neles para espreitar à janela, embora possa pisá-los para aceder a um varandim, por exemplo.

2—Funções dos parapeitos

Embora por vezes nem os notemos, os parapeitos estão lá, e desempenham um papel estético muito importante, tanto nos ambientes interiores como na fachada exterior. Mas será que só servem para embelezar a casa?

Os parapeitos primitivos eram apenas tábuas de madeira colocadas nas janelas para impedir a água de entrar, colocando uma barreira física, desviando a água e simultaneamente absorvendo alguma, o que rapidamente degradava a madeira. E é esta a função principal dos parapeitos ainda hoje, mas têm mais:

Função estrutural—a presença sólida do peitoril sobre a contraverga contribui para eliminar alterações na moldura estrutural da janela, oferecendo estabilidade extra.

Isolamento térmico - peitoril ajuda a estabelecer uma barreira física que impede as correntes de ar e as perdas térmicas, dando um contributo substancial para a manutenção das temperaturas interiores e para a poupança de energia.

Estética - o material escolhido para o parapeito vai ter um grande impacto visual nos espaços interiores, passando a fazer parte integrante deles. Por outro lado é um elemento de personalização e criatividade, que pode ser usado para decoração ou para utilização (como local de leitura, como estante ou para colocar plantas, como nesta foto da TRAÇO 8 INTERIORES).


Aproveitamento funcional—além de poder usar a prateleira formada pelo parapeito, como referimos, também pode usar o espaço à volta da janela com mais conforto, acabando por tornar a janela mais atraente na sua utilização efectiva.


Protecção contra a água da chuva - No exterior, o peitoril ajuda a afastar a água da parede, tendo uma ligeira inclinação para baixo e muitas vezes ranhuras para ajudar a conduzi-la. No interior o peitoril vai ajudar a manter a sua janela e a parede interior livres da humidade que escorre, além de impedir a água de entrar quando o vento empurra a chuva para ela. Isto ajuda a evitar o aparecimento de bolor na janela e nas paredes à volta, melhorando o ambiente interior e ajudando à durabilidade dos materiais da própria janela.

3—Os materiais dos parapeitos

Há vários materiais que podem ser usados para fazer os parapeitos e a escolha deve ser bem peada em função da estética em contraponto com a funcionalidade. Por exemplo, pode gostar de parapeitos de madeira no interior, mas se a sua casa fica numa zona muito húmida, essa escolha pode ser arriscada porque o peitoril pode não resistir muito tempo. Por outro lado, escolher um peitoril de pedra, em especial se optar por colocar pedra em volta da janela toda, pode tornar o ambiente mais frio, afectando o conforto térmico percebido pelos habitantes.

Para escolher o material certo para os peitoris das suas janelas veja um pouco mais sobre cada um dos mais utilizados:

Material plástico—à cabeça das opções com materiais plásticos aparece o PVC como uma alternativa muito apetecível. Ele é muito resistente e durável, e totalmente à prova de água, além de poderem substituir eficazmente outros materiais como a madeira ou a pedra, pois, durante o processo de produção, é fácil dar aos parapeitos em PVC a aparência desejada.



Madeira - A madeira continua a ser um material de referência no que respeita às janelas, e isso inclui os parapeitos. Se procura uma janela com estética tradicional e retro, a madeira é o material de eleição. Mas não se esqueça de que o parapeito exterior vai estar permanentemente exposto aos elementos e e devem proteger contra a humidade. Isto significa que, mesmo com tratamentos hidrófugos de longa duração, a madeira num parapeito exterior pode não ser a melhor escolha, sendo mais adequada para parapeitos de interior. Felizmente, se gosta desse aspecto, actualmente existem no mercado alternativas muito credíveis com o acabamento a imitar madeira, como o PVC, de que falaremos a seguir.

Pedra—Por último chegamos ao material preferido entre nós para fazer parapeitos—a pedra natural. Esta é sempre uma opção duradoura (não necessita de qualquer manutenção além da limpeza básica), e é muito fácil de combinar com qualquer estilo, no interior e no exterior, uma vez que a variedade de pedras disponíveis para a fabricação de parapeitos é extensa.


Azulejo ou outras peças de cerâmica - um parapeito moderno, totalmente feito com a cerâmica dos pavimentos pode resultar num espaço moderno e coeso, mas mesmo assim pode uma solução arriscada, que vai sempre parecer de improviso, se o espaço for um quarto ou uma casa. Nas casas e banho e cozinhas o caso muda de figura, e revestir os parapeitos com os azulejos das paredes é uma solução excelente, durável e que pode ficar muito moderna. No entanto, se optar por uma via mais tradicional, pode usar azulejos pintados à mão para obter aquela imagem antiquada e romântica que vemos em algumas casas antigas do nosso país.

4—A manutenção

Fazer uma manutenção regular dos parapeitos das janelas é fundamental para manter as boas condições de habitabilidade numa casa. Esta limpeza irá evitar entupimentos e consequentemente a deterioração dos materiais e do conforto interior devido ao aumento da humidade nas paredes, que traz consigo os inevitáveis bolores.

Assim deve fazer uma limpeza regular ao pó, folhas, penas de pássaros e outros detritos que se acumulem no parapeito exterior, e ao pó e pelos de animais no parapeito interior.

Os produtos de limpeza dependem do material, mas em geral água e detergente serão suficientes.

Na pedra para janela e nos cerâmicos, que são um materiais muito resistentes, pode usar detergentes mais agressivos e eventualmente branqueadores, se houver acumulação de poluição ou outra sujidade difícil.

Metal—o alumínio tem tomado de assalto o mundo dos parapeitos. Isso deve-se ao seu preço bastante acessível, em comparação com outros materiais, e à sua versatilidade, que permite que o parapeito tenha um acabamento idêntico à do caixilho da janela, proporcionando coerência estética. No entanto, este material torna-se ruidoso quando batido pela chuva, tornando-se impraticável em algumas casas, embora já existem sistemas de abafamento do ruído.

5—Os preços

Os preços dos parapeitos dependem exclusivamente dos materiais escolhidos, mas também aumentam com a largura dos próprios parapeitos.

Nas lojas de materiais de construção há opções de parapeitos com medidas standard e preços variados. Pode, por exemplo encontrar uma soleira de janela em PVC com acabamento a imitar madeira por cerca de 30 Euros, um parapeito de mármore Rosa português por um preço semelhante ou um parapeito de granito Ariz por cerca de 26 Euros (sempre para 1,5m de comprimento da tábua).

Leitura recomendada: ’Janela de pvc ou alumínio? A resposta às suas questões!


Need help with your home project?
Get in touch!

Discover home inspiration!